A Importância da Oração

A Importância da Oração

“Porém ele retirava-se para os desertos e ali orava.” – Lucas 5.16

JESUS considerava a oração mais importante do que a comida, porque a Bíblia diz que horas antes do café da manhã, “Levantando-se de manhã muito cedo, estando ainda escuro, saiu, e foi para um lugar deserto, e ali orava” (Mc.1.35).

Para o Filho de Deus, a oração era mais importante do que juntar e curar grandes multidões. A Bíblia diz: “Ajuntava-se muita gente para o ouvir e para ser por ele curada das suas enfermidades. Porém ele retirava-se para os desertos e ali orava” (Lc 5.15-16).

As horas preciosas de comunhão com seu Pai celestial significavam mais para nosso Salvador do que dormir, porque a Bíblia diz: “[Jesus] subiu ao monte a orar e passou a noite em oração a Deus” (Lc 6.12).

Ele orava nos funerais, e os mortos se levantavam. Ele orou sobre cinco pães e dois peixes e alimentou a multidão com o lanche de um menino.

Na contemplação de seu iminente sofrimento na cruz do Calvário, ele orou: Não se faça a minha vontade, mas a tua” (Lc 22.42), e um caminho foi aberto, por meio do qual o homem pecador pode aproximar-se de um Deus Santo.

A oração, no verdadeiro sentido, não é um clamor fútil de desespero, nascido do medo e da frustração. Muitas pessoas oram apenas quando elas estão debaixo de grande pressão, ou em perigo, ou enfrentando alguma crise.

Eu já estive em aviões quando o motor parou, então as pessoas começaram a orar. Eu já voei através de tempestades tão terríveis que as pessoas que nunca pensaram em orar antes estavam orando ao meu redor.

Eu já conversei com soldados que me disseram que eles nunca oraram até que estiveram no meio de uma batalha. Parece que há um instinto no homem para orar em tempos de perigo.

Sabemos que “existem alguns ateus em tocas de raposas”, mas, este tipo de cristianismo não consegue atingir nossas vidas diárias, e isso é muito superficial para ser verdadeiro.

Os professores cristãos através dos tempos reforçaram a proeminência que a oração deve ter na vida dos cristãos.

Certo homem sábio anônimo disse:

“Se os cristãos gastassem tanto tempo orando como gastam murmurando, logo eles não teriam mais nada sobre o que murmurar.”

Oração

Nosso Deus e Pai, agradeço-te o precioso caminho da oração. Proporciona-me um grande conforto poder conversar contigo continuamente. É minha alegria saber que és onipresente e atento às minhas necessidades e preocupações. Ajuda-me a ser vigilante em oração e a louvar a Ti e a teu Filho Jesus, em cujo nome eu oro. Amém.

Texto de Billy Graham